Esclarecimento

Copla es arte mayor” tem recebido da parte de internautas que pelo seu interesse nos honram visitando-nos, comentários, interpelações e invectivas centrados sobre a questão de um presumido interesse na promoção deste ou daquele candidato, alguns sugerindo mesmo a existência de coordenação “operacional” com membros(s) da organização do concurso.

Por se tratar de questão cuja sensibilidade aumenta com a aproximação da Grande Final, parece-nos oportuno aclarar os principais pontos evocados pelos nossos amáveis críticos.

1.Copla es arte mayor” é um blog independente, sem quaisquer ligações pessoais ou institucionais a quaisquer candidatos, a membros do júri, à RTVA, ou aos fornecedores de conteúdos da RTVA.

O gosto pela copla e a sua divulgação em língua portuguesa são os objectivos que nos movem, e tem sido com grande prazer que temos assistido ao aumento importante de visitantes oriundos de Portugal e do Brasil.

2. Para preservar a sua independência, este blog tem sistematicamente recusado todas as propostas de natureza comercial até agora recebidas, estando os seus editores convencidos de que todas as razões para recusarem continuam válidas.

3. As duas principais questões evocadas pelos nossos visitantes têm natureza algo contraditória, pois baseiam-se nas asserções segundo as quais “Copla es arte mayor” vem sistematicamente promovendo as candidaturas de Alejandra RODRIGUEZ e/ou Laura LARREA.

4. Começamos por declarar que não conhecemos pessoalmente nenhum dos candidatos da 3.a edição de Se Llama Copla, não porque seja principio nosso recusar contactos, mas porque, em relação aos candidatos das edições passadas, a comunicação pessoal não parece ser questão importante para os que actuam nesta.

5. No que diz respeito a Alejandra, argumentam alguns que este blog a nomeia frequentemente como “Melhor presença da noite”, mesmo quando tal facto é infirmado pelas votações do júri e do público.

É facto indiscutível, mas é também prova da nossa independência… pelo menos em relação ao júri e ao público. E sendo certo que os nossos sempre amáveis e respeitáveis críticos declinam frequentemente o nome dos candidatos que apoiam, mal estaria se as sensibilidades amalgamadas dos editores de “Copla es arte mayor” não fossem espelho de alguma identidade de gostos musicais.

Nomear Alejandra resulta tão-somente de consensos de madrugada de domingo, quase sempre fáceis, uma ou outra vez mais arduamente conseguidos. E tendo-se em conta a modéstia e pouco peso do nosso meio de expressão, entendemos que mal estaria Alejandra se a sua sorte dependesse da nossa solidariedade.

6. No que diz respeito a Laura, as criticas que recebemos são, de alguma forma, mais objectivas, pois referem-se maioritariamente aos resultados da sondagem que mantemos aberta desde 9 de Novembro de 2009, nos quais se verificou há algumas semanas uma inversão de posições que colocou esta candidata em confortável primeiro lugar.

Copla es arte mayor” não gere nem comanda os resultados das votações: trata-se de um serviço fornecido por um terceiro totalmente estranho ao blog e à WordPress, que utiliza métodos standard para garantir um grau de fiabilidade aceitável às sondagens/votações que gere.

Nós próprios, surpreendidos pela referida inversão, procedemos a verificações cruzadas com o fornecedor do serviço de localização geográfica dos visitantes do blog. Dessas verificações, resultam as constatações seguintes:

– a análise das origens e navegação dos visitantes que votam não indicia utilizadores que, por exemplo através de manipulação dos “cookies”, procedam a votações repetidas;

– em contrapartida, é flagrante o interesse de um grande número dos nosso visitantes pelas actuações de Laura, sendo lícito pressupor o sentido dos seus votos.

Ambas as constatações nos permitem concluir que, de todos os candidatos em concurso, a presença de Laura LARREA na web é a mais significativa.

7. Em conclusão:

Admiramos Alejandra pela intensidade das suas interpretações, pelo seu culto do rigor, pelo recato de grande senhora com que evolui em cena e se exprime fora de cena.

Admiramos Laura pela sua enorme versatilidade, pela cor das suas interpretações, pela dinâmica da sua presença em cena.

Entendemos que ambas fazem parte das mais gratas descobertas do júri dos castings, que prestigiam os membros respectivos, e assim prestigiam as artes musicais e a Andaluzia.

*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*-*

Esperando que os nossos esclarecimentos satisfaçam os visitantes que nos interpelaram, aqui lhes deixamos – e a todos os outros – as nossas mais cordiais saudações musicais.

Viva la Copla!

n.b.: Agradecemos todas as sugestões sobre a forma mais elegante de agradecer à mão coplera que graciosamente fez a revisão da versão espanhola deste texto…

Anuncios

Publicado el 9 febrero, 2010 en Uncategorized. Añade a favoritos el enlace permanente. Deja un comentario.

Responder

Introduce tus datos o haz clic en un icono para iniciar sesión:

Logo de WordPress.com

Estás comentando usando tu cuenta de WordPress.com. Cerrar sesión / Cambiar )

Imagen de Twitter

Estás comentando usando tu cuenta de Twitter. Cerrar sesión / Cambiar )

Foto de Facebook

Estás comentando usando tu cuenta de Facebook. Cerrar sesión / Cambiar )

Google+ photo

Estás comentando usando tu cuenta de Google+. Cerrar sesión / Cambiar )

Conectando a %s

A %d blogueros les gusta esto: